O Homem e o Vox Populi

O grupo “Favoritos” ganhou hoje mais um elemento. Trata-se do Vox Populi , um blog by Edu Furbino (a.k.a. Caranthir) e Marco Júnior.

Com o intuito de divulgar uma nova ideologia, livre de pensamentos políticos tendenciosos, mas recheados de pensamentos profundos, os dois criaram este site. Afirmo que vale a pena dar uma olhadela, é um trabalho muito bem feito. E eles respondem comentários, o que mostra uma profunda consideração pelos leitores, IMO.

Ah, e quem me conhece deve imaginar que levei a sério esse lance de Vox Populi, né? Já dei minhas opiniões em quase todos os posts e permanecerei lá, sempre apitando um pouco, pois eu sou mesmo intrometido. Sucesso para Edu e Marco com seu novo blog! ;)

E, se é para falarmos do intuito deste site, nada mais justo do que debater idéias (afinal, é para isso que o blog foi criado). O tema desta semana foi bem amplo e complexo: O Homem.

O que falar sobre a criatura mais incrivelmente complicada que existe neste planeta? Para mim, a chave deste ser é a Razão. Nós nos diferenciamos dos outros tantos seres vivos porque fomos capazes de desenvolver um intelecto muito elevado. Acontece que superestimamos nossos própios dotes racionais e acabamos por negar o subjetivismo, os instintos e tudo que não pode ser explicado pelo que sabemos e conhecemos.

Na nossa sociedade racional, os primitivos valores baseados na força física, intolerância com o que é diferente, execução dos mais fracos, etc. vieram ao chão, mas nele não encontraram seu fim. Por mais que queiramos negar (e isso foi bem expressado na conclusão sobre o tema do Vox Populi) esses antigos preceitos simplesmente se modificaram para, depois, se reerguer.

Em vez de competir com outras espécies, acabamos por nos tornar inimigos de nós mesmos. “O Homem é lobo do própio Homem”, como já disse o Machadão. A intolerância prevalece, mas não em relação ao inimigo que seria outro animal e sim em relação ao “inimigo” que vai roubar nossa vaga no emprego, nossa garota, nosso dinheiro.

Ah, o dinheiro! O grande combustível da sociedade, que gerou tantos avanços antes inimagináveis e, ao mesmo tempo, a maior onda de intolerância e competitividade que já foi vista. Este seria um assunto tão complexo quanto o própio homem – e é por isso que não vou me perder demais nele.

Apenas é importante ressaltar que nossa história está intimamente ligada ao capital e, de uma forma ou de outra, sempre estará.

Voltando ao Homem, a intolerância é o que move a maioria dos conflitos entre eles. Seja a raça, a religião, o país, o time de futebol, whatever. Sempre haverá alguém para se dizer melhor do que o outro. Para dizer que o diferente é inferior. Na verdade, o diferente é apenas diferente. Nem melhor, nem pior, apenas diferente.

É óbvio que existem alternativas mais ou menos viáveis, e é [por isso] que todos temos direito a opinar. A democracia é boa exatamente [por isso]: nosso país pode ser formado por um aglomerado de idéias, que serão selecionadas e postas em prática.

Eu acredito que o caminho para a união entre os povos é um interesse em comum. Pois como o sagaz líder Napoleão Bonaparte já havia profetizado “Todo homem luta com mais bravura por seus interesses do que por seus direitos”. Se os interesses se focalizassem no mesmo local, creio que haveria uma união maior no planeta.

O filme Constantine mostrava um anjo que pretendia unir – e salvar – a humanidade através da liberação do diabo no mundo. Essa não é uma idéia que me parece tão [desvairada]. Infelizmente os interesses atuais só levam à destruição. Devo acabar com o que não é igual a mim, pois isto garante a minha segurança.

Well, eu poderia passar milhões de caracteres falando sobre este assunto, mas prefiro não me alongar mais. Deixo, no final deste post, um vídeo que eu já publiquei, mas se encaixa bem no assunto.

Novamente, abraço aos colegas do Vox Populi. Espero que ainda tenhamos muitos temas para debater.

P.S.: Este post baseia-se no tema proposto pelo Vox Populi, portanto, está no termo da licença Creative Commons do blog. Deste modo, este post fica protegido pela mesma licença deles, de acordo com o terceiro termo de uso “Se você alterar, transformar, ou criar outra obra com base nesta, você somente poderá distribuir a obra resultante sob uma licença idêntica a esta.”.Ou seja, esta licença vale para o post acima.

Uma resposta a O Homem e o Vox Populi

  1. Renato diz:

    Nooosa q vído da hora !!!
    Na boa … tm da hora msm !!!
    ahh e “oi” tbm gustavo … hahahaha
    até q ta legal seu blog!!!
    flw

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: